top of page

CDC reforça compromisso com os Direitos da Pessoa Idosa em Mês de Combate à Violência

Atualizado: 9 de jul.

Centro de Desenvolvimento e Cidadania (CDC) - No mês dedicado ao combate à violência contra a pessoa idosa, o CDC reafirma seu compromisso em defender e promover os direitos dessa população. Com uma programação intensa durante junho e ao longo de todo o ano, o CDC busca sensibilizar a sociedade sobre a importância do respeito e cuidado com a pessoa idosa, promovendo um envelhecimento digno para todos.


Curso de Aperfeiçoamento de Cuidadores(as) de Pessoas Idosas


Dentro do Programa de Promoção dos Direitos da Pessoa Idosa (PPDPI), o CDC está oferecendo o Curso de Aperfeiçoamento de Cuidadores(as) de Pessoas Idosas. Na última semana, foi realizado o quarto encontro do curso, abordando temas cruciais como envelhecimento, sexualidade e feminismo na perspectiva do cuidado.


Envelhecimento, Sexualidade e Feminismo

O encontro contou com a participação de Joana Santos, educadora popular e membro da direção da Escola Equipe. Joana conduziu uma oficina sobre questões de gênero e a construção social dos papéis de homens e mulheres, destacando a importância da igualdade de gênero e do respeito ao corpo feminino.


Discussões sobre Sexualidade e Gênero

Também tivemos a presença do sociólogo Acioli Neto, que aprofundou as discussões sobre sexualidade, orientação sexual e gênero, abordando conceitos como LGBTQIAPN+. Sua palestra foi fundamental para ampliar a compreensão sobre diversidade e inclusão.


Sessão de Autocuidado com Yoga Nidra

Além das discussões teóricas, a programação incluiu uma sessão de relaxamento com Yoga Nidra, promovendo um momento de autocuidado e bem-estar para os participantes. Esta prática foi essencial para o equilíbrio emocional e físico dos cuidadores(as).


Reflexão e Valorização da Ancestralidade

A aula proporcionou uma rica oportunidade de reflexão sobre o respeito às diferenças e a construção de uma sociedade inclusiva e diversa. As participantes compartilharam suas experiências de vida, muitas delas histórias de superação do machismo e do patriarcado, celebração da liberdade e fortalecimento da ancestralidade. Cada relato reiterou a importância de valorizar o legado de sabedoria e cultura das mulheres que vieram antes de nós.


O CDC continua firme em seu propósito de defender os direitos da pessoa idosa e promover uma sociedade mais justa e igualitária. Através de programas como o PPDPI, buscamos não apenas combater a violência contra a pessoa idosa, mas também fomentar uma cultura de respeito, cuidado e valorização dos idosos em nossa sociedade.


Sobre o curso

Este curso é voltado para trabalhadoras(es) das Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs) de Recife e educadoras do Programa, visando capacitar esses profissionais para promover um envelhecimento saudável e digno. Participam as instituições e abrigos: Lar de Maria, Lar Batista para Anciãos, Abrigo Espírita Batista de Carvalho, Centro Geriátrico Padre Venâncio, Casa de Acolhida Ieda Lucena, Porto Seguro e Abrigo Provisório Edusa Pereira.


O projeto “Longevidade: Articulação e Promoção do Envelhecimento Ativo nas ILPIs de Recife” é realizado pelo CDC em parceria com o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa do Recife (COMDIR) e as empresas: BASF, Cielo, Localiza, Rede D’or, Usiminas, Atacadão, Sodexo, Aché Laboratórios, Itaú e Globo. A iniciativa integra o Programa de Promoção dos Direitos da Pessoa Idosa (PPDPI), desenvolvido através do Fundo da Pessoa Idosa.

Comentarios


bottom of page